28-07-2022

Viagem inaugural das carruagens Arco

28 de julho

As carruagens Arco entraram ao serviço, hoje, dia 28 de julho, nos comboios InterRegionais da Linha do Minho e a primeira viagem realizou-se no comboio que partiu de Valença às 09h26 com destino ao Porto, com a presença do Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, o Presidente do Conselho de Administração da CP, Pedro Moreira, entre várias outras Individualidades.

Esta viagem marca o início do serviço comercial destas carruagens, na Linha do Minho, onde passarão a circular, diariamente, a partir desta data.

A composição, formada por 3 carruagens Arco, oferece 161 lugares sentados, distribuídos por uma carruagem de 1ª classe (56 lugares), por uma carruagem de 2ª classe (80 lugares) e por uma carruagem bar (25 lugares). A composição dispõe ainda de espaço para acomodar oito bicicletas.

Recorde-se que, em 2020, a Empresa adquiriu 50 carruagens a Espanha, das quais 36 são da tipologia Arco, estando já disponíveis para entrar ao serviço, 9 destas carruagens.
A recuperação deste material circulante envolveu a participação de cerca de 50 empresas nacionais, a que correspondeu sensivelmente 95% de incorporação nacional, empresas essas que forneceram diversas componentes, designadamente, tecidos, cortinas e assentos e peças mais complexas de mecânica e eletrónica.

Na sua intervenção em Valença, Pedro Moreira, Presidente da CP, sublinhou: “…Por cada carruagem, a CP pagou 30 mil euros à RENFE e tem um custo de recuperação da ordem dos 156 mil euros. Uma vez que o custo de aquisição de uma carruagem similar nova está estimado em cerca de 1 milhão de euros, só podemos concluir que este foi um excelente negócio e uma excelente decisão.”

As restantes 27 carruagens prosseguem o processo de recuperação na oficina de Guifões da CP, e entrarão em serviço comercial à medida que estiver concluído o processo de recuperação e a necessária homologação de circulação.